Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

aquihacoracao

30
Jul21

Um padre, um negacionista e o Gustavo Santos, entram num bar...

[Tema 7]

Aqui há coração

Em desafio dos pássaros

 

Eram 18 horas em ponto quando o padre Vicente dá inicio a mais uma eucaristia. Na assembleia poucas pessoas, mas entre elas um amigo que muito prezava, embora totalmente descrente, negacionista até. Mas pela amizade que detinham procuravam sempre respeitar -se e até tentar compreender as crenças um do outro. Permaneceu atento, aguardando o momento em que entrariam no bar do Lipe uma vez finda a missa, para beber aquela cervejinha habitual que acompanhava já tantos momentos desta amizade.
Então Rodrigo - pergunta o padre Vicente a sorrir. Ainda não foi desta que te consegui converter?
Vicente, nao és tu que dizes que nós somos pó e em pó nos havemos de tornar, então está revelado o mistério. - responde Rodrigo.
Vê se compreendes, o pó esvai-se ao sabor do vento, mas o espírito permanece, pois somos mais que simples matéria. - diz o padre.
Entretanto ouve - se uma voz vinda de outra mesa - pois, só tens de acreditar (Gustavo Santos).

Lu

28
Jul21

Teoria da conspiração (envolvendo Bill Gates, indústria alimentar, Xana Toc Toc e Polichinelos)

[Tema 6]

Aqui há coração

Em desafio dos pássaros

 

Super atrasada no desafio mas cá vai a teoria da conspiração!

Deitei primeiro um olhinho à Wikipedia que me disse sobre Bill Gates: que é um magnata, empresário, diretor executivo, investidor, filantropo e autor americano, que ficou conhecido por fundar junto com Paul Allen a Microsoft.

Como não sabia o que eram polichinelos fui ao dicionário que me disse ser: Títere, boneco ou actor que representa geralmente uma personagem cómica, corcunda, de nariz comprido e barriga proeminente.

Fui entretanto ouvir uma música da Xana Toc Toc para me pôr a par.

Quanto à indústria alimentar, não procurei nada, até porque já cheguei à minha teoria!

A Xana Toc Toc para além de cantora, é artista plástica e desenvolveu uma técnica, financiada pelo Bill Gates,  de camuflar nos seus quadros os  próprios bonecos, também conhecidos como polichinelos, que representam, nada mais, nada menos, que os futuros humanos a habitar este planeta, com uma particularidade inerente, é que para se manterem vivos não precisam de comer, o que porá em causa toda a indústria alimentar.
Tenho dito.

Lu

 

 

11
Jul21

Mágicos instantes!

Aqui há coração

IMG_20210711_172620.jpg

Encontrei um baloiço, bonito, sobranceiro à aldeia.
Sentei-me e qual menina baloiçei, como sempre fiz e como sempre faço.
A minha criança está sempre aqui e não deixo que ela me deixe!
O vento penteia-lhe os cabelos enquanto ela fecha os olhos e sonha.
Transporta-a para longe, para um lugar onde se ouvem risadas, e cheira a algodão doce.
Mas está de volta, não tarda, com a badalada do sino a ditar mais uma hora.
Logo agora que eu tinha parado o tempo!?
O segredo é viver o momento, por ínfimo que pareça ser.
Nem antes nem depois.
Agora.

Lu



02
Jul21

Um encontro entre um anão e uma bodybuilder, marcado por ele, através do Tinder.

[Tema 5]

Aqui há coração

Em desafio dos pássaros

 

Chegou finalmente o dia em que se iam encontrar, pela 1 vez, cara a cara. Ele, de seu nome Gil, triste, pois sentia não ter sido verdadeiro com ela. E ela, Mia, apreensiva pois também não fora totalmente honesta. O "tinder" fez com que se encontrassem. Há meses que falavam, riam, partilhavam inquietações, sentiam-se amigos e desejavam que pudesse existir algo mais. Tinham realmente muito em comum.
Acontece que o Gil, farto de ser julgado pelo seu nanismo, e pensando, inicialmente, que esta converseta entre eles não passasse disso mesmo, resolveu dizer-lhe que era bodybuilder e vocês não vão acreditar mas ela também cansada de ser olhada só pela aparência, resolveu dizer que era anã. Efectivamente só conheciam o rosto um do outro por fotografia e tudo o que estavam a vivênciar e sentir parecia-lhes já tão bom que, esse resto ficaria para segundo plano. Encontrar-se-iam junto ao lago, de um parque que ambos conheciam, estava decidido. 
Ele chegou primeiro e ela depois e não podiam crer no que os seus olhos viam. Gil era o anão e Mia a bodybuilder. Ambos sorriram e Mia começa por dizer : "bela forma de treinar a empatia! "
To be continued...

Lu

 

 

27
Jun21

Obrigada.

Aqui há coração

IMG_20210613_172902.jpg

Se há palavras que fazem parte de mim, obrigada, é sem dúvida, uma delas. Aliás sinto-me despida se a deixo em casa, motivo pelo qual andamos sempre juntas. Devo dizer que me faz imensa confusão quem não a veste, quem não se lembra dela, como aqueles a quem chamo "os sem noção"! Fico triste com a falta de gratidão que nos rodeia. Mesmo. É que ainda quero acreditar que para cada causa há um efeito e assim sendo, para cada gesto de educação, de respeito, de empatia, de trabalho, de boa vontade deve seguir-se sempre o nosso obrigado. Ainda conservo essa expectativa e, mais ainda, essa esperança. Tenho, porém, vindo a perceber que esse obrigado não tem que ter ligação directa e que se não recebes de quem dás, talvez o recebas de Deus e do Universo.
E procuro não desistir dessa convicção, pois  creio que há sempre uma luz bem perto de nós que nos guia e sempre uma ponte para a travessia do bem (nem de propósito a analogia com a foto deste lugar bonito, de tantos que o mundo nos põe ao dispôr). E é, certamente, "dando que se recebe".
Obrigada.

Lu

 

18
Jun21

"Caramba, quase que conseguia! "

[Tema 4]

Aqui há coração

Em desafio dos pássaros

 

Será que só a mim é que acontecem coisas inusitadas?

Então a minha infância é repleta desses acontecimentos, que hoje arrancam gargalhadas entre os intervenientes e não só!
Certa vez, tinha eu aprendido a andar de bicicleta há pouco tempo, quando me lembrei de pedir emprestada a do meu irmão. Uma BMX empoeirada e sem travões. Inicio a minha volta, acompanhada pela minha prima C. Pelo caminho íamos recolhendo amoras silvestres e guardando num saco de pano preso no guidão. Entretanto, dou-me conta de uma descida íngreme. Pois bem, do alto da minha sensatez digo à minha prima que vou descer na bicicleta e que  quando  gritasse -  travar, ela, com a sua valentia de criança, ainda mais criança do que eu, puxaria, com toda a sua força, a bicicleta para trás. Que mentes eram as nossas!?
Bem, escusado será dizer que a brincadeira acabou com dores em todo o lado e com sangue no chão, na bicicleta e nos meus dois joelhos esfolados cujas cicatrizes, hoje, não me deixam mentir.
A C. fitava-me assustada  já a tentar engendrar uma desculpa para dar-mos à minha mãe, assim que chegassemos a casa, mas ainda assim confiante, achando que tinha sido por um triz que não tinha travado a bicicleta.
Crianças e as suas bravuras. E que saudades.
Ora bem, falta-me encaixar a palavra tesoura neste texto... quer dizer, acho que acabei de o fazer!

Lu

 

04
Jun21

"- Não aguento mais contigo! - afirmou, enquanto o atirava para longe."

[Tema 3]

Aqui há coração

Em desafio dos pássaros

 

"- Não aguento mais contigo! - afirmou, enquanto o atirava para longe."

Ela sempre foi assim, e sempre guardava para si mesma as suas  angústias. Oferecia  a sua escuta atenta e as suas ternas palavras aos outros, mas quando lhe tocava a ela era outra história. Sorria na tentativa de dispersar ansiedades que lhe davam  a mão desde  que se entendia por gente. Tinha a sensação, por vezes, que um dia haveria de explodir em mil bocadinhos e aí ser finalmente livre.
No fundo ela sabia que o seu maior problema não existia e era nada mais que uma projecção  irrealista, totalmente criada por si.
O medo - esse marialva vestido de negro, sobranceiro, cheio de si mesmo, corrosivo, atroz.
E sonhava com o dia em que seria capaz de  o enfrentar  e corajosamente o despedir!
Lu

30
Mai21

Agora.

Aqui há coração

uma suave brisa de verão que aconchega. água nos pés que purifica até a alma. uma vontade de entrar e deixar tudo o que não importa. o sol. montanhas recortadas no céu. pessoas minhas. borboletas.

IMG_20210530_150404.jpg

e simplesmente magia...

Lu

26
Mai21

"Afinal havia outro..... fogão."

[Tema 2]

Aqui há coração

Em desafio dos pássaros 

Atrasadissima no desafio, mas espero que ainda a tempo! 

 

Completa a frase : "Afinal havia outro........... " 

Pista: rima com chão.

_ Ora bem, é de comer?
_ Não.
_Então, não é pão!

_É animal?
_Não.
_Então, não é cão!

_É um país?
_Não.
_Então, não é Japão.

_É de gastar?
_Não.
_Então, não é tostão!

_É de morrer?
_Não.
_Então, não é caixão.

_É de amar?
_Não.
_Então, não é coração!

_OH pá não chego lá. Pode ser tanta coisa. De canhão a anão, de ração a vulcão! Sei lá. Outra pistinha talvez?  Queres ver que vou "matar" a minha cabeça para no final me dizeres que afinal, havia outro... fogão!

_Nem mais, acertaste.

Lu

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D